REVOLUÇÃO SILENCIOSA | 10 anos de cotas raciais na UFSC
L

Documentário que discute os resultados das ações afirmativas para negros dentro da Universidade Federal de Santa Catarina após uma década de sua implantação. A Lei de Cotas foi sancionada em 2012 e garante a reserva de 50% das vagas (por curso e turno) nas instituições públicas de ensino a alunos oriundos integralmente do ensino médio público, em cursos regulares ou da educação de jovens e adultos. Deste número, um percentual mínimo de vagas correspondente ao da soma de pretos, pardos e indígenas no estado é reservado para estudantes destes grupos. Na UFSC, essa política foi implantada em 2008 e completa dez anos em 2018. A narrativa é contada num passo-a-passo de uma revolução possibilitada pelo acesso à educação e mostra os desdobramentos da luta histórica pela conquista de cotas nas universidades. As histórias se sustentam nas vozes de estudantes negros cotistas, professores, pesquisadores, e representantes de órgãos institucionais, que debatem os seguintes temas: (1) desigualdade racial brasileira; (2) contextualização histórica das cotas; (3) racismo e universidade; (4) importância das ações afirmativas para estudantes e comunidade; (5) verificação da autodeclaração de pretos e pardos; (6) políticas de permanência e dificuldades; (7) impactos e novos desafios.

O documentário é resultado do Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) do estudante de Jornalismo da UFSC Lucas Krupacz, em parceria com a TV UFSC, defendido em novembro de 2018.

(Visited 43 times, 1 visits today)
País : Brazil
Ano : 2018
Idioma : Português
Direção Lucas Krupacz
Realização TV UFSC
Please Fill Out The YT (Youtube) Slider Configuration First